Durante muito tempo houve polêmica em relação à aprendizagem da tabuada – esse conhecimento deveria ser compreendido ou memorizado?

A resposta é que entender o que acontece quando se multiplica um número pelo outro é essencial para que a criança possa usar este conhecimento em operações matemáticas mais complexas no futuro.

Acontece, porém, que entender que 2×4 é o mesmo que repetir quatro unidades por duas vezes ou duas unidades por quatro vezes é excelente, mas torna complicado para o aluno pensar nisso na medida que qualquer dos números fique mais alto. Além disso, quando temos a tabuada armazenada na memória de longo prazo, podemos usar o conhecimento como base para novos aprendizados e seremos mais eficazes quanto mais fácil for o acesso à resposta que buscamos.

Resumindo: depois de entender a tabuada, saber de cor ajuda, e muito, no desempenho escolar. É também um fator importante para a relação que a criança terá com a matemática ao longo da vida escolar e profissional: quanto mais ela sentir segurança nas operações básicas, mais facilidade terá para aprender conteúdos mais complexos.

Fica então a dúvida: como você pode ajudar seu filho em relação à tabuada? Geralmente a escola tem ensinado bem o conceito da tabuada. O que fica pendente é a memorização, que depende de muita prática e esforço do próprio aluno, em horário fora da sala de aula – ou seja, sim, sobra para você!

Separamos alguns site que podem ajudar nesse desafio:

Matemática para crianças Tabuada fácil – professor dá dica da lógica que há por trás da tabuada – ótima para entender como montar a tabuada completa de cada número.

Jogos de Tabuada – jogo para praticar as quatro operações e dar agilidade no pensamento lógico matemático.

Matemática Zup – ao se concentrar no desafio de evitar a destruição dos prédios, o aprendiz tem a oportunidade de perceber que tabuada precisa voltar a estudar para vencer o desafio. Sugestão: os níveis Intermediate e Advanced são os mais adequados para estudo.

O drama da Tabuada

Posts Relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *